Novas reformas arriscam corte de 10% em 2014

Futuras pensões arriscam redução que é quase o dobro da que estava programada, por via do factor de sustentabilidade.

O "Jornal de Negócios" escreve hoje que "quem se reformar em 2014 arrisca-se a um corte de 10% no valor da pensão de reforma. Na origem desta redução está o factor de sustentabilidade que o Executivo liderado por Passos Coelho pretende alterar a partir do próximo ano. O agravamento deste factor é uma das várias medidas que o Governo planeia aplicar ao universo dos futuros reformados e irá elevar a idade de aposentação para os 66 anos".

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

Compreender Marques Mendes

Em Portugal, há recorrentemente espaço televisivo para políticos no activo comentarem notícias generalistas, uma especificidade no mundo desenvolvido. Trata-se de uma original mistura entre comentário político e espaço noticioso. Foquemos o caso mais saliente dos dias que correm para tentar perceber a razão dessa peculiaridade nacional. A conclusão é que ela não decorre da ignorância das audiências, da falta de especialistas sobre os temas comentados, ou da inexistência de jornalistas capazes. A principal razão é que este tipo de comentário serve acima de tudo uma forma de fazer política.