Isaltino Morais livre para poder sair de Portugal

Os interesses económicos de Isaltino Morais em Moçambique estão a ser acompanhados pela Polícia Judiciária, mas o autarca de Oeiras pode sair do país sem qualquer obstáculo legal.

De acordo com a edição de hoje do "Correio da Manhã", todas as medidas de coação sobre Isaltino Morais estão extintas, desde que este foi preso por apenas um dia, e não foram renovadas pelo tribunal de Oeiras.

A situação está a provocar um vazio para as autoridades judiciais. Isaltino pode viajar sem qualquer constrangimento e, apesar de existir informação relevante sobre a criação de empresas e, fixação de residência em Moçambique, as polícias nada podem fazer enquanto o Tribunal de Oeiras não decidir se determina novas medidas de coação antes de ser emitido um mandato de detenção para condução à prisão. Até o tribunal decidir o que vai fazer, o conhecimento da PJ sobre o risco de fuga é puramente informal.

Ler mais

Exclusivos

Premium

DN Life

DN Life. «Não se trata o cancro ou as bactérias só com a mente. Eles estão a borrifar-se para o placebo»

O efeito placebo continua a gerar discussão entre a comunidade científica e médica. Um novo estudo sugere que há traços de personalidade mais suscetíveis de reagir com sucesso ao referido efeito. O reumatologista José António Pereira da Silva discorda da necessidade de definir personalidades favoráveis ao placebo e vai mais longe ao afirmar que "não há qualquer hipótese ética de usar o efeito placebo abertamente".