Catroga na EDP com salário milionário

Ex-braço-direito de Pedro Passos Coelho nas negociações com a troika ganhará uma remuneração de 639 mil euros. Um ordenado mensal superior a 45 mil euros, que acumulará com uma pensão de mais de 9600 euros.

O "Correio da Manhã" escreve que Eduardo Catroga prepara-se para assumir um cargo com um salário milionário na EDP. Caso seja eleito presidente do Conselho Geral e de Supervisão da eléctrica portuguesa na assembleia geral de 20 de Fevereiro, como já foi proposto pelos accionistas, o ex-braço direito de Pedro Passos Coelho nas negociações com a troika terá uma remuneração de quase 639 mil euros, montante ganho pelo seu antecessor (António de Almeida) em 2010, segundo o relatório sobre o governo da sociedade.

Por mês, o ex-ministro das Finanças de Cavaco Silva terá um ordenado superior a 45 mil euros, que acumulará com uma pensão de mais de 9600 euros.

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Notícias
Pub
Pub