Águas paradas provocam praga de mosquitos em Silves

Agência do Ambiente identificou origem das nuvens de insectos que estão a irritar moradores e turistas. Autarquia reforçou desinfestação.

O "Jornal i" escreve hoje que "uma "ruptura numa conduta de água canalizada foi o suficiente para originar a praga de Mosquitos" que nas últimas semanas tem incomodado moradores, turistas e comerciantes no concelho de Silves. O mistério foi ontem finalmente desvendado pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), que prevê que os insectos desapareçam "gradualmente nos próximos dias".

Segundo o jornal, "a falha na rede de saneamento originou um foco de água parada na freguesia de Alcantarilha, atraindo nuvens de mosquitos que acabaram por invadir toda a cidade e os concelhos vizinhos, afectando principalmente a população da freguesia de Armação de Pêra".

Ler mais

Exclusivos