Governo negoceia revisão das condições de ajuda externa

Os ministros das Finanças da zona euro devem dar na reunião de hoje mais uma ajuda na estratégia portuguesa de regresso aos mercados.

O Governo espera receber dos ministros das Finanças da zona euro um sinal da flexibilização das condições de financiamento do resgate português. Esta orientação, que deverá sair da reunião de hoje do Eurogrupo, será a ajuda dos parceiros europeus de que Passos Coelho tem falado e que facilitará o progressivo regresso aos mercados.

De acordo com o "Diário Económico", em causa está a aplicação também a Portugal de condições mais vantajosas de financiamento do programa de ajuda, à semelhança do que aconteceu à Grécia. Mas o alívio a aplicar a Portugal não será igual ao que foi dado aos gregos - até porque, tal como Passos Coelho tem frisado, Portugal "não está na situação da Grécia".

Exclusivos