Gaspar assume reponsabilidade por "vários erros"

Ministro das Finanças ensaia uma espécie de mea culpa apenas para acabar a empurrar as culpas para o Partido Socialista.

O "jornal i" escreve hoje que "Vítor Gaspar assumiu ontem ter cometido "vários erros" durante o processo de ajustamento de Portugal, para logo de seguida considerar as suas más decisões como "inevitáveis", especialmente "numa crise com esta dimensão". A espécie de mea culpa do ministro, no entanto, serviu apenas para empurrar as culpas para cima do anterior governo. "O PS negociou mal. Negociou mal porque colocou o país numa posição extraordina"riamente fragilizada", disse Vítor Gaspar na comissão eventual de acompanhamento do programa de ajustamento português. O que tinha começado como um reconhecimento de erros acabou, assim, com um afastar de responsabilidades de Gaspar. "O adiamento do reconhecimento da situação e da negociação internacional fragilizou o país e conduziu a um resultado negociado muito oneroso para o nosso país", afirmou.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG