Figo à caça de ouro no Zimbabué com ex-presidiário

Luís Figo afirma que "está à procura de bons negócios" nas minas de ouro e outras áreas daquele país africano. O empresário sul-africano que o acompanhou, já assaltou bancos.

O "Correio da Manhã" escreve hoje que "Luís Figo visitou o Zimbabué para explorar possibilidades de negócio no sector mineiro daquele país africano. O ex-futebolista visitou na semana passada uma mina de ouro, com um empresário que cumpriu pena de prisão por assaltos a bancos. Segundo o jornal espanhol "ABC", o antigo internacional português, agora empresário, esteve na cidade de Bulawayo para uma visita de negócios à mina de ouro de Happy Valley. O ex-jogador do Real Madrid contou sempre com a companhia de Gayton McKenzie, um empresário sul-africano que esteve preso por assaltar bancos e que agora se dedica a dar conferências de motivação. Figo terá conhecido McKenzie numa feira de negócios na Europa e, a partir daí, enveredaram por alguns investimentos em comum".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG