Família na prisão por traficar escravos

Cúmulo de 40 anos por obrigarem pessoas a trabalhar de borla em Espanha. Escravos eram espancados e ameaçados de morte se quisessem fugir.

O "Jornal de Notícias" dá especial atenção a um caso de escravatura descoberto na Covilhã. Dois homens e uma mulher, todos da mesma família, forma condenados a prisão efectiva por terem obrigado várias pessoas a trabalhar em Espanha sujeitas a um regime de escravatura. Ameaçadas de morte, dormiam no chão e trabalhavam de sol a sol, sem salário.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG