Exportações travam e as vendas ao exterior caem 6,5%

Crise espanhola, abrandamento do motor alemão e greve nos portos, levam à primeira queda das exportações nacionais, desde 2009.

De acordo com o jornal I, em setembro as vendas ao exterior caíram 6,5% em relação ao ano passado. Embora o abrandamento já fosse esperado, esta queda mensal nas exportações foi a primeira desde 2009.

A Espanha e a Alemanha, principais destinos das exportações nacionais, são também os principais responsáveis pela queda das vendas verificada em setembro.

No entanto há um outro fator que está a exercer pressão sobre as exportações, e que se trata de uma fator interno. A reforma do setor portuário, anunciada em agosto, que visa reduzir os custo da operação em 30% sendo um dos elementos chave do plano a flexibilização laboral na estiva, provocou uma vaga de greves que está a fazer mossa nas exportações, adianta o jornal I.

Prova disso é a quebra de 10% verificada nos movimentos dos portos portugueses em setembro.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG