Estado pagou 546 milhões a bancos para cancelar 'swaps'

Em três meses, seis empresas públicas entregaram 545,6 milhões de euros à banca para cancelar 38 operações de alto risco. O pagamento foi assegurado por empréstimos do Tesouro.

Os contratos de alto risco foram assinado pelas empresas públicas de transporte, os pagamentos à banca foram suportados por empréstimos do Tesouro, segundo um conjunto de despachos assinado pela secretária de Estado do Tesouro, Maria Luís Albuquerque, disponibilizados à comissão parlamentar de inquérito aos 'swaps' no início da semana passada, de acordo com o "Diário Económico".

As empresas pedem empréstimo ao Tesouro, que por sua vez pde adiantado ao IGCP. As contas são regularizadas através da rubrica de despesas excecionais do Orçamento Retificativo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG