Bombeiros investigados pela GNR

Em causa está o uso indevido de contrafogo durante combate a fogos florestais.

O "Jornal de Notícias" escreve hoje que "elementos de bombeiros voluntários do distrito de Viseu estão a ser investigados pelo Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR, por eventual uso indevido de contrafogo (fogo de Supressão ou fogo tático) no combate aos incêndios florestais. O uso do fogo tático tem regras. A denúncia foi feita por Rebelo Marinho, presidente da Federação Distrital de Bombeiros de Viseu, no discurso de aniversário da Associação dos Bombeiros Voluntários de Tondela. "O SEPNA tem identificado uma série de bombeiros do distrito de Viseu que estão a ser perseguidos por causa do uso de contrafogo nos incêndios florestais", acusou. "Os bombeiros não são criminosos. É uma humilhação estarem sujeitos a interrogatórios, a serem confrontados com fotografias tiradas nos incêndios, com o objetivo de serem conduzidos processos para os tribunais contra os bombeiros", afirmoui".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG