Armadilhava multibancos para sacar notas

Rede de Leste coloca dispositivos tipo réguas nas ranhuras para capturar notas. PSP deteve romeno por 30 casos de "cashtrapping" de Norte a sul do país.

O "Jornal de Notícias" escreve hoje que "há uma rede a colocar armadilhas nos multibancos por todo o país. A PSP do Porto deteve um dos elementos do grupo que se dedica a enganar quem tenta levantar dinheiro, ficnado-lhe com as notas. O detido, anteontem, na rua de D. João IV, no Porto, é de nacionalidade romena e está indiciado em 30 casos nas áreas metropolitanas do Porto, Lisboa, Setúbal e no Algarve".

Segundo o jornal, "é apontado como um dos líderes de um grupo ultimamente estabelecido no Grande Porto e bastante ativo. O Cashtrapping consiste na aplicação de um dispositivo/objeto de plástico (em alguns casos metálico) nos terminais de saída das notas ATM com a intenção de ludibriar uma pessoa que pretende levantar dinheiro e que julga que o equipamento está avariado (não dá as notas). Os lesados acabam por desistir das "operações bancárias" abandonando o local. Nesse momento, os burlões procedem à remoção do dispositivo e à consequente subtração do dinheiro retido".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG