Agricultor violava menina de sete anos em casa

Maria, nome fictício, tem apenas sete anos pelo que não se apercebeu da gravidade dos atos sexuais a que o companheiro da avó a começou a sujeitar, na casa onde viviam, em Chaves.

Os abusos repetiram-se durante meses, e há alguns dias a menina decidiu perguntar à professora se era normal que o homem, de 62 anos, lhe tocasse. O agricultor foi ontem detido pela Polícia Judiciária de Vila Real. A menina já foi retirada à família.

O abusador, que não possui antecedentes criminais, foi ouvido em primeiro interrogatório por um juiz de instrução criminal no Tribunal de Chaves, tendo ficado a aguardar julgamento em prisão preventiva.

De acordo com a edição de hoje do "Correio da Manhã", os abusos sexuais começaram em setembro do ano passado. Na altura, o agricultor, a quem a menor sempre tratou por avô, residia na mesma casa que a vítima. O pedófilo terá aproveitado os momentos em que estava a sós com a criança para cometer os abusos. Começou a tocar-lhe em várias partes do corpo e obrigava a menina a fazer o mesmo. Maria foi repetidamente abusada, e o pedófilo chegou a tentar consumar os atos sexuais por diversas vezes, mas nunca conseguiu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG