Angelo Sodano diz que renúncia é trovão em céu sereno

O cardeal Angelo Sodano, antigo Secretário de Estado do Vaticano e decano do Colégio Cardinalício, comparou hoje o anúncio de resignação de Bento XVI, a um "trovão em céu sereno".

Segundo a agência Ecclesia, que cita a Rádio Vaticano, Angelo Sodano terá transmitido ao papa o apoio "de todos os seus colaboradores" e destacado o trabalho realizado no seu pontificado

"Tal como as estrelas do céu continuarão seguramente a brilhar, assim brilhará sempre entre nós a estrela do seu pontificado", sublinhou o antigo responsável pela diplomacia da Santa Sé.

Joseph Ratzinger, que foi eleito em abril de 2005 para suceder a João Paulo II, vai completar 86 anos de idade dentro de 2 meses e anunciou hoje que vai renunciar ao papado no próximo dia 28 de fevereiro.

O último caso de renúncia, situação pouco comum na história da Igreja, fora sido o do Papa Gregório XII, em 1415, refere a Ecclesia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG