Mário Machado poderá ser posto em liberdade

Mário Machado foi transferido da prisão de alta segurança de Monsanto para a cadeia de Alcoentre, e em breve poderá ser posto em liberdade. Decisão é tomada dia 26.

Mário Machado, líder dos Hammerskins em Portugal, foi transferido da prisão de alta segurança de Monsanto para a cadeia de Alcoentre, e em breve poderá ser posto em liberdade.

Segundo avançou a "SIC Notícias", o Tribunal de Execução de Penas vai agora, no dia 26 de setembro, analisar o pedido de liberdade condicional. Da última vez a decisão do tribunal foi negativa mas agora, o advogado de Mário Machado acredita que será diferente e que o pedido será aceite, porque Machado já cumpriu mais de metade da pena de prisão, (10 anos) 5 anos e meio de prisão efetiva, pelo menos três em regime de alta segurança.

José Manuel Castro, advogado de Mário Machado, diz que já é tempo de o seu cliente ser posto em liberdade, não só porque "estão reunidas as condições técnicas" (já cumpriu mais de metade da pena) mas porque, diz, "o preso português que esteve mais tempo em regime de alta segurança foi o Mário Machado. Em absoluto, depois do 25 de Abril, foi o preso português que esteve mais tempo em regime de segurança".

Mário Machado foi condenado por vários crimes: roubo, sequestro, ofensas à inegridade física e posse ilegal de armas.

Exclusivos