Vítima que desmentiu colegas vai a tribunal

O colectivo de juízes que se encontra a julgar parte do processo Casa Pia decidiu hoje inquirir de novo um dos assistentes/vítima que garantiu numa entrevista ter mentido em tribunal

O tribunal deferiu o pedido que a testemunha/vítima tinha feito no Tribunal da Relação de Lisboa.

Ilídio Marques, em entrevista ao Expresso, em março do ano passado, disse que tinha mentido em tribunal e que sabia que outras suspostas vítima tinham feito o mesmo.

Ilídio foi ouvido em tribunal dez vezes, entre 19 de dezembro de 2005 e 6 de janeiro de 2006. Disse ter sido abusado por Hugo Marçal, Jorge Ritto e por Ferreira Diniz. A nova inquirição está marcada para 9 de novembro.



Mais Notícias

Outros conteúdos GMG