PND: Joel Viana lembra que o "voto é o míssil da democracia"

O secretário-geral do PND, Joel Viana, apelou hoje à participação nas eleições legislativas lembrando que "o voto é o míssil da democracia" e que os eleitores vão eleger os seus representantes à Assembleia da República e não apenas o Governo.

"Apelo ao voto a todas as pessoas que ainda não votaram, madeirenses, continentais, açorianos, de Bragança até Faro, porque o voto é o míssil da democracia", disse, em declarações à agência Lusa depois de ter votado na escola básica da Ribeira Brava, Madeira.

Joel Viana criticou ainda a mensagem de sábado do Presidente da República, Cavaco Silva, por considerar que deu ênfase apenas à nomeação do Governo, realçando que "também está em causa a eleição de deputados pelos círculos eleitorais".

"Temos neste momento um leque partidário maior e as opções são maiores do que eram no passado", salientou, num apelo que dirigiu aos jovens.

Nas eleições legislativas anteriores, a 27 de setembro de 2009, o PND obteve 21.876 votos (0,39%).

Mais de 9,6 milhões de eleitores podem votar hoje nas eleições legislativas antecipadas, de onde sairá o novo Governo e a composição da Assembleia da República na XII Legislatura. Um total de 17 forças políticas apresentaram listas, mas apenas nove partidos e uma coligação concorrem a todos os círculos eleitorais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG