Líder do PTP apela ao voto e pede que não haja "distúrbios"

O líder do Partido Trabalhista Português (PTP), Amândio Madaleno, apelou hoje à participação dos portugueses nas eleições legislativas antecipadas e fez votos para que não ocorram "distúrbios".

Amândio Madaleno falava à Lusa depois de ter votado, pelas 09:45, na Escola Secundária da Brandoa, Amadora, Lisboa.

À saída da escola, o líder do PTP disse que optou por votar cedo porque gosta "de acordar e começar a trabalhar cedo".

Questionado pela Lusa sobre os protestos ocorridos esta manhã em várias mesas de voto, afirmou que manifestações são "aceitáveis, desde que não envolvam violência".

Os cidadãos "têm de se manifestar e há muita gente que não se vê representada pelos partidos ou que entende que o atual sistema de campanha não é o melhor", afirmou o líder do PTP.

Amândio Madaleno apelou ainda à participação nas eleições de hoje e fez votos de que não surjam "distúrbios".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG