Não há 'condições de confiança' para negociação

O presidente do PSD disse hoje ter transmitido ao primeiro-ministro que não estão reunidas "condições de confiança" para qualquer negociação com o Governo sobre o Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC).

Pedro Passos Coelho falava aos jornalistas, na residência oficial de São Bento, no final de uma reunião com José Sócrates sobre o PEC e a agenda da cimeira europeia de quinta e sexta-feira.

"Não estão, portanto, reunidas condições de confiança para que qualquer negociação seja reeditada entre o PSD e o Governo. O país sabe disso e é importante que saiba que não hesitamos nesta matéria. Foi isso o que transmitimos também ao Governo", declarou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG