BE vai apresentar projecto de resolução com alternativas

O BE vai apresentar na quarta-feira um projecto de resolução com medidas alternativas ao Programa de Estabilidade e Crescimento 4 e que "obrigue" a que as medidas anunciadas pelo Governo sejam discutidas e votadas na Assembleia da República.

"Vamos apresentar um projecto de resolução que obrigue a que estas medidas sejam discutidas e votadas", disse a deputada bloquista Ana Drago.

Segundo Ana Drago, "o Governo fez questão de esconder à Assembleia da República e ao país tudo o que era um pacote de medidas de austeridade que vai tornar a vida absolutamente infernal para a maioria dos portugueses".

"Queremos assumir o compromisso de apresentar na AR um projecto de resolução que faça com que estas medidas sejam discutidas e aprovadas na AR e que sejam também discutidas políticas alternativas", sublinhou.

De acordo com a deputada do BE, "é possível estabelecer um programa de redução da despesa que seja fiscal e socialmente mais justo, é isso que o BE tenciona fazer".

O projecto de resolução não será discutido na quarta-feira, dia para o qual está marcada uma interpelação ao Governo da iniciativa do BE, mas serão avançadas medidas do projecto de resolução bloquista.

"Na quarta-feira há um debate, uma interpelação ao Governo sobre a condução de políticas económicas e sociais, onde estará presente o ministro das Finanças. Já neste debate de quarta-feira faremos todo o esclarecimento sobre estas medidas", explicou Ana Drago.

O líder do CDS-PP, Paulo Portas, assumiu no domingo posição semelhante, ao anunciar que "se o Governo não levar a votos este PEC, o CDS apresentará sobre ele um projecto de resolução".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG