PCP considera que recessão confirma necessidade de "outras políticas"

O PCP recebeu hoje o anúncio da recessão "sem surpresa", considerando que confirma "a necessidade de outras políticas", diferentes do "pacto de submissão e agressão" protagonizado por PS, PSD e CDS-PP.

"São valores que esperávamos. Trata-se da confirmação de um processo de recessão que se vinha intensificando devido às políticas do pacote de austeridade. A política de desastre nacional de PS, PSD, CDS-PP", disse à agência Lusa o membro da Comissão Política do Comité Central dos comunistas, Vasco Cardoso.

O responsável do PCP classificou as várias medidas preconizadas recentemente pelo Governo socialista e o acordo celebrado com as instâncias internacionais como um "claro apoio ao capital especulativo, uma submissão aos interesses da Comissão Europeia e um intensificar do ataque ao aparelho produtivo nacional e da degradação das condições de vida, com graves impactos no consumo interno e no investimento".

"Tão grave como aquilo que nos trouxe até aqui é o pacto de agressão ao povo e ao país que PS, PSD e CDS-PP, em conjunto com a 'troika' estrangeira, pretendem vir a concretizar", continuou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG