Mota Soares comenta abstenção "significativa"

O líder parlamentar do CDS qualifica como "significativos" os números provisórios da participação eleitoral e avisa que, "muito provavelmente, algum partido não conseguiu mobilizar o seu eleitorado".

De acordo com as projecções das televisões, a abstenção deverá ultrapassar a barreira dos 40%.

Na primeira declaração, pouco passava das 7 da tarde, hora de fecho das urnas no continente e na Madeira, Mota Soares afirmou que esses números são um sinal "de que não se conseguiu recuperar a confiança dos eleitores".

O dirigente centrista aproveitou ainda para lançar uma farpa - ao PS - ao afirmar que, "muito provavelmente, algum partido não conseguiu mobilizar o seu eleitorado".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG