Merkel lamenta força do NPD

A chanceler alemã critica a força do partido neonazi naquele país.

Angela Merkel classificou ontem como "lamentáveis" os resultados obtidos pelo partido neonazi NPD nas eleições regionais no estado federado do Mecklenburgo-Pomerânia Ocidental - o mais pobre da antiga Alemanha de Leste (ex-RDA).


A chanceler alemã, cuja circunscrição fica neste estado, reagiu ao desfecho eleitoral de domingo dizendo que a extrema-direita "só pode ser combatida se, mais uma vez, as oportunidades económicas e sociais das pessoas forem uma prioridade".


O NPD, que segundo os serviços de informações regionais resolveu dedicar-se cada vez mais aos temas sociais e abdicar do seu carácter xenófobo, conseguiu 7,3% dos votos, o que lhe permite ter representação no parlamento de Schwerin (capital daquele estado-federado).


Mas em Berlim, onde também foram realizadas eleições , o NPD, que também está representado no parlamento da Saxónia desde há dois anos, recolheu apenas 3,5% dos sufrágios.


O escrutínio de domingo foi ganho pelos sociais-democratas em Berlim, com 30,8% dos votos, mas também no Mecklenburgo-Pomerânia Ocidental, com 30,2% dos sufrágios. Os democratas-cristãos, de Merkel , obtiveram 21,3% e 28,8% respectivamente, tendo ambos os parceiros da Grande Coligação alemã registado perdas de eleitores.


Os resultados traduziram-se num "voto de desconfiança em relação à coligação. Os alemães já não conseguem fazer a distinção entre o SPD e a CDU e votaram nos partidos pequenos em sinal de protesto", disse à AFP Klaus Schroeder, do Instituto de Ciências Políticas Otto Suhr, em Berlim. Apesar das perdas registadas pelo seu partido a nível regional, Merkel , no poder há dez meses, disse não haver "nenhuma alternativa" às reformas em curso na Alemanha.


P&R


O que é o NPD?

O NPD, abreviatura de Partido Nacional Democrático Alemão, é um partido nacionalista radical que tem uma forte concepção dos conceitos de lei e da ordem e considera aceitável a xenofobia. É classificado como neonazi.


Onde está representado?


Há dois anos o NPD conseguiu o seu primeiro êxito na ex-RDA ao ser eleito para o parlamento da Saxónia, em Dresden, depois de obter 9,2% (precisava de 5%) dos votos. Agora, logrou entrar no parlamento de Schwerin, capital do Mecklenburgo-Pomerânia Ocidental, também no Leste.


Qual a razão do avanço?

Os analistas consideram que os eleitores de Leste, zona do país com maior desemprego, deram ao NPD um voto de protesto. O partido, que tem deixado a xenofobia um pouco de lado para se centrar nos temas sociais, goza de simpatia entre os jovens.


O partido é uma ameaça?

Apesar das tentativas para o ilegalizar, o NPD não tem expressão a nível federal, pois nas últimas eleições de 2005 obteve apenas 1,6% dos votos. Falhou a barreira dos 5%, necessária para poder entrar no Bundestag, o Parlamento federal alemão.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG