Livre foi hoje oficialmente reconhecido partido

O novo partido Livre foi esta quinta-feira oficialmente legalizado pelo Tribunal Constitucional e vai assim poder participar nas próximas eleições europeias a 25 de maio.

Em comunicado na página oficial, o Livre expressa a "grande satisfação" com que recebeu a notificação por parte do Tribunal, celebrando a criação de um espaço "de liberdade, da esquerda, da Europa e da Ecologia".

O partido pode então regressar ao que lhe deu origem e o que promete ser a sua linha de ação no futuro: "a preocupação com Portugal e com a crise europeia que atravessamos".

O Livre está neste momento a organizar as primeiras primárias abertas e já divulgou a lista provisória de pré-candidatos para a Europa. Entre os mais de 30 nomes podemos encontrar o de Rui Tavares, atualmente eurodeputado independente e fundador do partido.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG