Taxas moderadoras na saúde aumentam até Setembro

O acordo entre o Governo e a 'troika' prevê um aumento das taxas moderadoras na área da saúde a partir de Setembro, indexando-as à inflação, refere o documento a que a Lusa teve acesso.

O memorando de entendimento entre o Governo e a 'troika' constituída pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), União Europeia e Banco Central Europeu refere que "serão feitas reformas que aumentarão a eficiência e a efectividade no sector da saúde".

Entre outras reformas, "as taxas moderadas serão aumentadas até Setembro de 2011, indexadas à inflação, e a isenções substancialmente reduzidas", refere o documento, acrescentando que, "de forma a proteger os mais vulneráveis", serão colocados no terreno mecanismos de compensação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG