Jardim recusa comentar proposta que diz desconhecer

O presidente do Governo Regional da Madeira escusou-se hoje a comentar as medidas de austeridade previstas na Orçamento de Estado para 2012 e defendeu que sem "massa monetária" em circulação "o mercado entra em recessão".

"Não me façam perguntas de uma coisa que eu não vi", disse, questionado pelos jornalistas sobre a proposta de Orçamento de Estado para 2012, durante a visita que hoje efectuou à "Wine and Food", uma iniciativa que visa promover o culto da eno-gastronomia de Portugal e das regiões vinícolas.

Alberto João Jardim disse ainda haver solução para a crise em Portugal, mas alertou que sem "massa monetária" em circulação "o mercado entra em recessão".

"Há soluções para um mercado em recessão agora, sem haver massa monetária em circulação - já estou farto de dizer isto - o mercado entra em recessão", declarou após visitar os vários "stands" representados nesta iniciativa organizada pela empresa Mega Sensos".

A "Wine and Food Madeira", que se realiza pela quarta vez na Madeira, prolonga-se até domingo numa unidade hoteleira do Funchal.

Exclusivos