FIA confirma regresso da Lotus para 2010

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) reconheceu hoje a histórica Lotus como 13.ª terceira equipa de Fórmula 1 concorrente ao Campeonato do Mundo de 2010.

O reaparecimento da Lotus, equipada com motores Cosworth, no "circo" da Fórmula 1, de onde saiu em 1994, surge com o apoio do Governo da Malásia e de um consórcio de empresários e terá o nome de Malaysia F1 Team Lotus.

A equipa estabelecida ficará em Norfolk, a 10 quilómetros da fábrica da Lotus, e irá ocupar umas instalações construídas pela Toyota para a Fórmula 1 e, posteriormente, ocupadas pela Bentley para o seu programa de Le Mans.

O patrão da equipa é Tony Fernandes, fundador e presidente do Grupo Tune, sediado na Malásia, e o director técnico é o inglês Mike Gascoyne, que tem mais de 20 anos de experiência na Fórmula 1 e trabalhou para a Toyota, Renault e Jordan.

A FIA informou também que a BMW Sauber, que anunciou a sua retirada, está à espera de um potencial comprador e, dada a qualidade do seu projecto, o número de equipas concorrentes poderá ser elevado para 14 na próxima época.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG