Ronaldo calou os críticos e Portugal está nos "quartos"

Cristiano Ronaldo, com uma exibição memorável, "bisou" e afastou a Holanda do Europeu. Portugal vai defrontar a República Checa nos quartos de final. Alemanha também está apurada.

Portugal está nos quartos de final do Euro 2012, depois de uma exibição e vitória memorável sobre a Holanda, por 2-1, em Cracóvia, que teve o melhor Cristiano Ronaldo ao serviço da seleção nacional. E, também, o melhor de Nani, Moutinho, Pepe, Veloso, Bruno Alves (...) e Paulo Bento, que liderou a seleção nacional a uma tremenda exibição, que por si só já justificaria a presença nos "quartos", onde Portugal vai defrontar a República Checa. A Alemanha também fez a sua parte, ao derrotar a Dinamarca por 2-1, e vai medir forças com a Grécia de Fernando Santos.

Talvez determinado em responder aos críticos, talvez decidido a "calar" os gritos por Messi, quiçá inspirado pelo aniversário do seu filho, a quem dedicou os golos. Certo é que Cristiano Ronaldo fez uma exibição magnífica, que foi capaz de superar as adversidades ditadas pelo (grande) golo madrugador da Holanda, apontado por van der Vaart, logo aos 11 minutos, numa altura em que Portugal parecia estar a ser totalmente dominado. Mas tudo mudou.

O CR7 começou por atirar uma bola ao ferro, mas este estava destinado a ser "o jogo" do capitão da seleção nacional. Depois de várias tentativas, Ronaldo conseguiu chegar ao golo aos 28 minutos, na sequência de um excelente passe de João Pereira, que colocou Ronaldo na cara do golo. O extremo empatou o jogo e Portugal nunca mais esteve virtualmente afastado do Europeu. A Holanda, essa, não honrou os antepassados que formaram a "laranja mecânica" e pouco ou nada conseguiu incomodar Rui Patrício.

Portugal ainda teve que sofrer até "matar" as contas, mas não foi por causa do perigo criado da Holanda. Foi, isso sim, devido às inúmeras oportunidades desperdiçadas, que poderiam ter sentenciado cedo a partida, mas Postiga, Nani, Coentrão e Moutinho não estavam de pontaria afinada. Mas Ronaldo sim, ele que finalizou uma excelente assistência de Nani aos 74', com frieza e perícia, e abriu em definitivo as portas dos "quartos". Nota, também, para a incrível exibição de Nani, que só não poderia ser eleito como o melhor em campo porque os golos decisivos são de CR7 - eleito o melhor em campo pela UEFA, claro.

A Holanda ainda esteve perto do empate (van der Vaart rematou ao ferro), mas o apuramento estava mais que sentenciado, até porque por essa altura já a Alemanha vencia a Dinamarca por 2-1. A "laranja mecânica", pela primeira vez na história, despede-se de um Europeu sem pontuar, enquanto Ronaldo, que ainda viu o poste negar-lhe o "hat-trick", tornou-se no terceiro melhor marcador português de sempre, com 34 golos, apenas superado por Eusébio e Pauleta. É, também, o único português a marcar em cinco competições de seleções seguidas. E depois da exibição de hoje, os adeptos portugueses só poderão esperar algo ainda melhor. Ou, simplesmente, Ronaldo no seu estado puro.

Comentário de João Rosado: "Paulo Bento, o mais jovem selecionador no Europeu, cumpriu a tradição portuguesa e levou a equipa para mais uma presença nos quartos-de-final. A equipa das quinas foi exemplar a todos os níveis, na capacidade de reação, no ataque organizado, no contra-ataque e... na capacidade para fazer aparecer Ronaldo. O capitão fez uma exibição histórica e terá feito as pazes com metade do país"

90+4' Final do jogo! Portugal está nos quartos de final do Euro 2012, onde vai defrontar a República Checa. Holanda e Dinamarca estão eliminadas.

90+3' Cartão amarelo para João Pereira, que não estava em risco.

90' Ronaldo atira ao poste! Depois de mais um magistral passe de Miguel Veloso, o capitão da seleção nacional enquadrou-se com a baliza, rematou com o pé esquerdo mas voltou a acertar no ferro! A sua exibição, desta vez, teve de tudo. E tudo de bom, diga-se.

88' Van Persie, isolado, falhou o empate! Estava em fora de jogo, mas a irregularidade não foi assinalada.

87' Substituição em Portugal. Sai Nani, que fez uma das melhores exibições de sempre, e entrou Rolando. Agora não há que inventar: é defender.

86' O primeiro remate de Huntelaar a todo o jogo passou ao lado do poste direito da baliza de Rui Patrício.

86' Nani volta a tentar o golo, mas atirou por cima do alvo.

85' Nani falha por pouco! Mais um excelente contra-ataque de Portugal, mas desta vez o extremo tentou o "chapéu" a Stekelelenburg e errou o alvo.

83' Van der Vaart atira uma bomba ao poste! O remate foi espetacular, mas o ferro "salvou" a seleção portuguesa de um final de jogo sofrido.

Comentário de João Rosado: "Cristiano Ronaldo fez o segundo golo na partida depois de uma ótima assistência de Nani, que se vingou de uma perdida inacreditável protagonizada sessenta segundos antes! No lance do 2-1, Portugal deu uma lição fabulosa no que diz respeito ao contra-ataque"

- GOLO DA ALEMANHA! Bender faz o 2-1 e deixa os germânicos a minutos do apuramento e de garantirem o primeiro lugar. Atenção, porque se a Dinamarca virar o jogo para 3-2, Portugal será eliminado...

80' Stekelenburg nega o golo a Nélson Oliveira, na sequência de um pontapé de canto.

79' Se a Dinamarca fizer o 2-1, a Alemanha é eliminada, Portugal passa para o primeiro lugar e jogará com a Grécia nos quartos de final. Caso contrário, a República Checa será o adversário.

77' Exibições memoráveis de Cristiano Ronaldo e Nani, também com enormes João Moutinho, Pepe e Bruno Alves. Resumidamente, toda a seleção portuguesa está a fazer uma exibição do melhor que já se viu de Portugal.

75' Neste momento, Portugal e Alemanha estão apurados para a fase seguinte. A Dinamarca, assim, até pode ganhar à Alemanha, mas seria igualmente eliminada. A Holanda, agora, teria que marcar três golos e esperar que a Alemanha ganhasse.

74' GOLO DE PORTUGAL! CRISTIANO RONALDO! Excelente contra-ataque da seleção portuguesa: grande passe de Moutinho, excelente assistência de Nani e Ronaldo, depois de sentar van der Wiel, bateu Stekelenburg com toda a calma. Portugal está a caminho dos quartos de final!

72' Que perdida de Nani! Excelente Ronaldo, a fazer uma assistência perfeita para o extremo, que a dois metros da baliza tinha tempo e espaço para fazer o 2-1, mas atirou para defesa de Stekelenburg. Será o lance em que todos vão pensar se Portugal for eliminado.

71' Substituição em Portugal. Saiu Raul Meireles e entrou Custódio.

70' Paulo Bento chama Custódio. Portugal vai começar a defender mais. Um risco, porque tudo pode acontecer no Alemanha-Dinamarca.

- Faltam 20 minutos: Portugal estará apurado se Holanda e Dinamarca não marcarem. Se algum deles marcar, Portugal estará obrigado a fazer o mesmo.

69' Cartão amarelo para van Persie, por falta sobre Pepe.

67' Substituição na Holanda. Saiu Willems e entrou Afellay. É o tudo por tudo da Holanda, que terá que marcar dois golos para se apurar.

66' Coentrão à beira do golo! Ronaldo assistiu o lateral esquerdo, que rematou colocado, mas Stekelenburg defendeu para canto.

64' Substituição em Portugal. Saiu Postiga e entrou Nélson Oliveira.

62' Paulo Bento chama Nélson Oliveira. Deverá sair Postiga.

Comentário de João Rosado:"A colocação de Robben na esquerda tem causado muitos problemas a João Pereira, apesar de Van Persie, na direita, se revelar um adversário controlável para Coentrão. Talvez seja interessante lançar Varela e puxar Ronaldo para o meio. E será que a Holanda vai trocar de lateral-esquerdo, temendo a expulsão de Willems?"

59' Golo anulado a Portugal! Hélder Postiga emendou o cruzamento/remate de Cristiano Ronaldo para o fundo das redes, mas o avançado português estava em fora de jogo.

55' Remate rasteiro de João Moutinho, a passar ao lado da baliza holandesa. O jogo está mais equilibrado, mas Portugal continua à procura do 2-1.

53' Cabeceamento de Vlaar, sem marcação, a atirar por cima da baliza portuguesa.

51' Cartão amarelo para Willems, depois de uma entrada violentíssima sobre Moutinho.

49' Pontapé de ressaca de Moutinho, para as nuvens.

48' Depois de um grande passe de Nani, Ronaldo ficou solto no flanco esquerdo e pronto para rematar, mas van der Wiel fechou o ângulo para o remate e bloqueou a tentativa de Ronaldo.

46' INÍCIO DA SEGUNDA PARTE! Bola para a Holanda, que sob qualquer circunstância teria que marcar, pelo menos, dois golos a Portugal na segunda parte para se apurar.

Comentário de João Rosado: "Tal como tinha dito Paulo Bento, a seleção soube reagir na adversidade e conseguiu neutralizar as unidades mais influentes do ataque holandês, concretamente Huntelaar. O desvio de Meireles para a esquerda ajudou Portugal a situar-se num 4x1x3x2, forçando os centrais holandeses a muitos duelos individuais. E Veloso também está mais identificado com as suas funções"

45' INTERVALO! O empate a um golo em Carcóvia, precisamente o mesmo resultado entre Alemanha e Dinamarca ao intervalo, apura Portugal para os quartos de final do Euro 2012, juntamente com a Alemanha, mas basta a Dinamarca ou a Holanda marcarem um golo para recolocarem Portugal fora do Euro. Cristiano Ronaldo e Nani, de longe os melhores em campo, estão a dar cabo da defesa da Holanda, mas bastará um lapso para Sneijder, van Persie ou Huntelaar estragarem todo o esforço dos extremos portugueses.

43' A Holanda raramente incomodou Rui Patrício nos últimos 20 minutos. Portugal já teve diversas ocasiões para consumar a reviravolta no marcador.

40' Cristiano Ronaldo, após lance individual, entrou na grande área e atirou de pé esquerdo, mas errou o alvo. O Ronaldo do Real Madrid está em campo em Carcóvia.

37' Pontapé livre de Miguel Veloso, a passar perto da trave da baliza holandesa. Portugal está a "cheirar" o segundo golo e a "laranja mecânica" baixou o rendimento.

34' Outra vez Ronaldo! Pontapé de canto batido por Moutinho, Ronaldo antecipou-se à marcação e cabeceou, mas a bola passou muito perto do poste. Ronaldo está a jogar com tudo!

33' Bomba de Cristiano Ronaldo, a 30 metros da baliza, que Stekelenburg defendeu com dificuldade.

Comentário de João Rosado: "Portugal acaba de empatar pelo seu capitão, depois de uma maravilhosa assistência de João Pereira. É absolutamente merecido o tento de CR7, que já tinha ameaçado por duas vezes, a última numa cabeçada que foi à figura. Subindo no terreno, Portugal evidencia as lacunas dos dois centrais 'laranja'"

31' Remate forte de Nani, com o pé esquerdo, a passar com perigo mas ao lado da baliza da Holanda. A defesa holandesa "treme" sempre que Portugal chega ao último terço do terreno.

28' Com estes resultados, Portugal estaria apurado para os quartos de final. Tudo muda se Holanda ou Dinamarca fizerem o 2-1.

28' GOLO DE PORTUGAL! CRISTIANO RONALDO! O capitão apareceu quando a equipa mais precisava: o passe de João Pereira é magnífico, a desmarcação de Cristiano Ronaldo é igualmente bem feita e a finalização foi fria e eficaz, já na cara de Stekelenburg.

27' Remate forte de Sneijder, para Patrício encaixar.

26' Portugal melhorou, mas sabe que está sob pressão e obrigado a marcar. Resta saber como conseguirão lidar com esta necessidade.

- GOLO DA DINAMARCA! Kron-Dehli faz o 1-1 frente à Alemanha e, com este resultado, volta a colocar os nórdicos na rota dos quartos de final.

23' Ronaldo à beira de marcar! Magnífico cruzamento de Nani, o melhor da seleção portuguesa, para um grande cabeceamento de Ronaldo, que Stekelenburg defendeu à tangente.

22' Nigel de Jong fica à beira do segundo golo da Holanda, devido a uma falha de marcação de Coentrão e a uma saída em falso de Patrício. Jogo alucinante em Carcóvia.

Comentário de João Rosado: "Portugal não tem sido capaz de pressionar alto nesta primeira fase e Van der Vaart aproveitou a primeira oportunidade para rematar à baliza. É urgente definir o papel de Miguel Veloso, que não tem opositor direto porque Sneijder está a jogar descaído para a esquerda. Pela esquerda já se viu uma iniciativa de Ronaldo que levou a bola ao poste!"

- GOLO DA ALEMANHA! Podolski faz o 1-0 à Dinamarca e coloca Portugal, virtualmente, nos "quartos". Portugal não poderá sofrer mais nenhum golo frente à Holanda ou, então, perder por apenas um golo.

18' Raul Meireles falha o empate! Sem marcação ao segundo poste, o médio português rematou em vólei à malha lateral. Excelente resposta por parte de Portugal, mas falta pontaria.

17' Postiga falha isolado! Passe errado da defesa holandesa, a entregar a bola ao atacante português, que demorou a definir o lance e, sob pressão, não conseguiu bater Stekelenburg.

15' Ronaldo atira ao poste! O extremo português apareceu finalmente no jogo, fez a diagonal e atirou rasteiro, mas a bola bateu na base exterior do poste.

13' O cenário não está fácil para Portugal. A Holanda está a controlar o jogo, Portugal não acerta nas marcações e não está a conseguir construir jogo.

11' GOLO DA HOLANDA! VAN DER VAART! Robben fez o que quis da defesa da seleção portuguesa, serviu van der Vaart na zona central e o médio, sem qualquer marcação, meteu a bola na 'gaveta'. Com este resultado, Alemanha e Dinamarca estariam apurados. Portugal é último classificado.

9' Nani tem sido o principal impulsionador dos poucos ataques da seleção portuguesa. O extremo promete ser uma grande dor de cabeça para o jovem Willems.

8' Portugal cria perigo através de uma bola parada, mas Postiga "placou" Stekelenburg e cometeu falta.

6' A Holanda está a dominar a partida por completo, com trocas de bola constantes e sem pressão da seleção portuguesa. Os pupilos de Paulo Bento estão a conceder demasiada liberdade ao adversário e resguardarem-se para o contra-ataque.

4' Remate de Sneijder, nas costas da defesa portuguesa, a passar ao lado da baliza à guarda de Rui Patrício. Fica o aviso.

3' A Holanda começa melhor na partida, com mais bola e maior pressão sobre o adversário. Na seleção portuguesa, tal como já aqui havia sido adiantado, Raul Meireles joga mais recuado e forma um duplo pivot com Miguel Veloso.

1' Neste momento, com estes resultados, Portugal está virtualmente apurado para a fase seguinte.

1' INÍCIO DO JOGO! Bola para Portugal.

- Recorde-se que Coentrão, Postiga, Raul Meireles e Cristiano Ronaldo ficarão afastados do próximo jogo da seleção nacional se virem hoje o cartão amarelo. Isto, claro, se Portugal chegar aos "quartos".

19.43 Passamos para A Portuguesa.

19.42 Escuta-se o hino da Holanda no estádio. Há mais adeptos holandeses do que portugueses nas bancadas.

19.40 As duas seleções entram no relvado, juntamente com a equipa de arbitragem chefiada pelo italiano Nicola Rizzoli.

19.30 As duas seleções já recolheram aos balneários. O jogo começa daqui a 15 minutos.

Comentário de João Rosado: "Como se esperava, Paulo Bento apostou pelo terceiro jogo seguido no mesmo onze, até porque Postiga já se estreou a marcar. A Holanda mexeu nos três setores e a questão fundamental é saber se vai jogar em 4x3x3 ou 4x4x2, com tendência para o 4x2x4. Para João Pereira é muito diferente ter pela frente Sneijder ou van Persie..."

- O comentador do DN, TSF e SIC, João Rosado, junta-se a esta emissão especial do DN para comentar antes e durante a partida em Carcóvia.

19.07 Os jogadores da seleção portuguesa sobem ao relvado para iniciarem os exercícios de aquecimento.

Resumindo as contas do grupo B: Para seguir em frente, a Holanda tem que vencer Portugal por dois golos e esperar que a Alemanha derrote a Dinamarca. Portugal apura-se se ganhar, exceto se a Dinamarca marcar três golos e vencer a Alemanha por um de diferença (3-2, 4-3, 5-4...); Portugal também segue em frente se empatar e a Dinamarca não vencer, e se perder apenas por um golo com a Holanda e a Alemanha vencer.

Dinamarca-Alemanha: Também vamos acompanhar, aqui no DN.pt, as principais incidências deste duelo que também é decisivo para as contas do grupo. Na Dinamarca jogam os mesmosforam titulares diante de Portugal, exceto Rommedhal, lesionado; na Alemanha, há apenas a troca de Boateng por Bender. Os alemães, a avaliar pela equipa que apresentam, vão à procura dos três pontos.

- Na Holanda, Huntelaar é titular no eixo do ataque, enquanto van Persie passa para a ala. No meio-campo, o muito criticado van Bommel dá lugar ao criativo van der Vaart. Na defesa, a surpresa passa pela titularidade de Vlaar e a ausência de Heitinga.

- Confirma-se: Paulo Bento volta a apostar na mesma equipa que defrontou a Dinamarca e a Alemanha. Chegou a circular, nos últimos minutos, a informação de que Paulo Bento teria abdicado de Miguel Veloso para lançar Varela no ataque, mas afinal jogam os mesmos onze.

HOLANDA: Stekelenburg; Van der Will, Vlaar, Mathijsen, Willems; Nigel de Jong, van der vaart; Arjen Robben, Sneijder, van Persie; Huntelaar.

PORTUGAL:Rui Patrício; João Pereira, Pepe, Bruno Alves, Fábio Coentrão; Miguel Veloso, João Moutinho, Raul Meireles; Cristiano Ronaldo, Nani, Hélder Postiga.

18.30 A seleção holandesa já subiu ao relvado e recebeu a primeira grande ovação do dia. A comitiva portuguesa está nos balneários.

18.14 Os jogadores da seleção portuguesa já chegaram ao estádio e estão a caminho dos balneários. A comitiva holandesa também já está no Estádio Metalist.

18.13 O Estádio Metalist tem capacidade para 37 mil espectadores e, a avaliar pelas movimentações à porta do recinto, a maioria dos apoiantes nas bancadas serão holandeses.

17.45 O autocarro que transporta a seleção portuguesa já está a caminho de Carcóvia.

17.31 Curiosamente, alguns adeptos holandeses, já nas imediações do estádio, têm esperança que Paulo Bento deixe Cristiano Ronaldo... no banco. Muitos escolhem Nani como a principal ameaça da seleção lusa - até porque o jogador do Manchester United vai cruzar-se com Willems, o jogador mais jovem de sempre (18 anos) a jogar num Europeu.

17.23 Entre os jornalistas holandeses que acompanham a "laranja mecânica" no Europeu, todos partilham da "certeza" que Huntelaar vai jogar no eixo do ataque, enquanto van Persie descai para a ala. Resta saber quem - ou se - sairá do meio-campo para entrar van der Vaart: Nigel de Jong ou van Bommel.

17.15 A comitiva da seleção portuguesa abandonará o hotel daqui a cerca de 30 minutos. Tudo calmo nas imediações do hotel.

16.43 Nas imediações do Estádio do Metalist, o ambiente permanece relativamente tranquilo e são poucos os adeptos que já estão à espera de entrar no recinto. As portas abrem dentro de uma hora.

16.22 Os holandeses parecem, na verdade, estar mais preocupados com Ronaldo do que com Portugal. Muitos adeptos até trazem cartazes e camisolas dedicadas ao CR7, onde se podem ler mensagens como "Ronaldo, vais chorar outra vez." Curiosamente, em 2004, Ronaldo chorou depois de ter eliminado a... Holanda. Portugal, recorde-se, perdeu a final contra a Grécia.

16.10 Os adeptos da seleção holandesa que passeiam por Carcóvia, a menos de quatro horas do início do jogo, já deixaram a promessa que vão passar o jogo contra Portugal a assobiar Ronaldo e a gritar por Lionel Messi.

As contas são complicadas, o adversário difícil de derrotar e a bola não está apenas do lado de Portugal. Mas a seleção portuguesa poderá, este domingo, dar continuidade à tradição de ir sempre além da fase de grupos nas fases finais de Europeus em que participa.

A adversária de Portugal, a Holanda, está obrigada a vencer a seleção portuguesa, caso contrário nunca conseguirá chegar aos 'quartos'. A seleção nacional, por sua vez, até pode perder o jogo, desde que a Dinamarca também perca com a Alemanha. Mas Portugal também poderá ganhar e ser eliminado, caso a Dinamarca vença a Alemanha com três ou mais golos marcados. As complicadas contas do grupo B serão atualizadas ao minuto no sítio do DN, ao longo das duas partidas.

As atenções estarão centradas, mais do que nunca, em Cristiano Ronaldo. Se à partida para o Euro todos viam a competição como o "trampolim" para Ronaldo superar Messi na corrida à Bola de Ouro, os dois primeiros jogos tiveram um efeito contrário. Uma má exibição - e, eventualmente, o afastamento de Portugal - poderão retirar a Ronaldo as hipóteses de conquistar o Ouro. A prioridade do capitão da seleção portuguesa estará, no entanto, em derrotar a Holanda e chegar aos "quartos".

*Equipas prováveis

Ler mais

Exclusivos