GNR atenta à fronteira de Valença

A GNR vai estar "atenta" à fronteira de Valença, na quarta-feira, para evitar a repetição de desacatos entre adeptos portugueses e espanhóis, como os que se verificaram no último jogo oficial entre as duas seleções, no Mundial de futebol 2010.

As seleções de Portugal e Espanha jogam na quarta-feira o acesso à final do Campeonato da Europa de futebol, que se disputa na Polónia e na Ucrânia, até domingo.

O anúncio foi feito hoje à Agência Lusa por fonte do Comando da GNR de Viana do Castelo, na sequência dos desacatos registados a 29 de junho de 2010, logo após a vitória da seleção espanhola frente a Portugal (1-0) no Campeonato do Mundo de Futebol.

Na altura, vários adeptos espanhóis cruzaram a fronteira de Valença para festejar a vitória no centro da localidade portuguesa, mas foram apedrejados.

"Embora no passado a ocorrência registada não se tenha revestido de grande gravidade, na próxima quarta-feira o Comando do Destacamento Territorial da GNR de Valença estará atento para que situações similares não se repitam", explicou hoje a mesma fonte, a propósito do jogo das meias-finais do Euro2012.

Há precisamente dois anos terão sido atingidas, por portugueses "bem conhecidos das autoridades", duas viaturas.

Na altura, a GNR admitiu que o "passeio" dos adeptos espanhóis a Portugal, com "bandeiras e buzinões", após a vitória que valeu a continuidade na prova realizada na África do Sul, terá sido uma retaliação às comemorações que, no Euro2004, os adeptos nacionais fizeram do outro lado da fronteira.

"Na altura, Portugal ganhou e também houve quem se lembrasse de ir à Galiza festejar, acirrar os ânimos. Os portugueses acabaram por se apedrejados", explicou a GNR, em 2010.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG