Adeptos do Sporting detidos são membros de grupo neonazi

Cerca de 20 elementos da claque do Sporting 1143 recusaram-se a entrar na caixa de segurança. Dois vão hoje a tribunal.

O polémico grupo sportinguista 1143, conhecido pela sua conotação neonazi e por ter sido dirigida pelo skinhead Mário Machado, actualmente detido por vários crimes violentos, voltou a criar problemas no sábado, antes do Benfica-Sporting, da 11.ª jornada da Liga e que terminou com a vitória dos encarnados, por 1-0.

Cerca de 20 elementos recusaram-se, ostensiva e agressivamente, a integrar a "caixa de segurança" - estrutura que o clube da Luz estreou e que tem por objectivo isolar os adeptos do clube visitante - e a PSP encaminhou-os para os "calabouços" policiais que existem no estádio, onde ficaram até ao final do jogo. Dois dos membros do 1143 foram alvo de processo-crime por danos no acrílico da bancada e vão hoje a tribunal.

Leia mais no e-paper do DN

Ler mais

Exclusivos

Adolfo Mesquita Nunes

Premium Derrotar Le Pen

Marine Le Pen não cativou mais de dez milhões de franceses, nem alguns milhões mais pela Europa fora, por ter sido estrela de conferências ou por ser visita das elites intelectuais, sociais ou económicas. Pelo contrário, Le Pen seduz milhões de pessoas por ter sido excluída desse mundo: é nesse pressuposto, com essa medalha, que consegue chegar a todos aqueles que, na sequência de uma crise internacional e na vertigem de uma nova economia digital, se sentem excluídos, a ficar para trás, sem oportunidades.

Adolfo Mesquita Nunes

Premium Derrotar Le Pen

Marine Le Pen não cativou mais de dez milhões de franceses, nem alguns milhões mais pela Europa fora, por ter sido estrela de conferências ou por ser visita das elites intelectuais, sociais ou económicas. Pelo contrário, Le Pen seduz milhões de pessoas por ter sido excluída desse mundo: é nesse pressuposto, com essa medalha, que consegue chegar a todos aqueles que, na sequência de uma crise internacional e na vertigem de uma nova economia digital, se sentem excluídos, a ficar para trás, sem oportunidades.

João Taborda da Gama

Premium Temos tempo

Achamos que temos tempo mas tempo é a única coisa que não temos. E o tempo muda a relação que temos com o tempo. Começamos por não querer dormir, passamos a só querer dormir, e por fim a não conseguir dormir ou simplesmente a não dormir, antes de passarmos o resto do tempo a dormir, a dormir com os peixes. A última fase pode conjugar noites claras e tardes escuras, longas sestas de dia com um dormitar de noite. Disse-me um dia o meu barbeiro que os velhotes passam a noite acordados para não morrerem de noite, e se ele disse é porque é.

João Taborda da Gama

Premium Temos tempo

Achamos que temos tempo mas tempo é a única coisa que não temos. E o tempo muda a relação que temos com o tempo. Começamos por não querer dormir, passamos a só querer dormir, e por fim a não conseguir dormir ou simplesmente a não dormir, antes de passarmos o resto do tempo a dormir, a dormir com os peixes. A última fase pode conjugar noites claras e tardes escuras, longas sestas de dia com um dormitar de noite. Disse-me um dia o meu barbeiro que os velhotes passam a noite acordados para não morrerem de noite, e se ele disse é porque é.