Madrid sentiu ligeiramente o abalo da madrugada


A capital espanhola sentiu ligeiramente o sismo da madrugada de hoje, com epicentro a cerca de 100 quilómetros do Cabo de São Vicente, e que suscitou centenas de telefonemas para o 112 no sul de Espanha.

Fonte do Instituto Geográfico Espanhol confirmou à Lusa terem recebido notificações de vários pontos do país de pessoas que confirmaram ter sentido o abalo, com maior intensidade no sul do país.

Não há qualquer vítima ou dano material a registar na sequência do sismo, de 6,3 na escala de Richter - segundo as medições espanholas.

Relatos de residentes na Andaluzia, sul do país, deram conta de terem sentido o abalo com "bastante força" no interior de edifícios, que em alguns casos chegaram a abanar durante alguns segundos.

A maioria das chamadas recebidas até agora procuravam informações sobre o ocorrido e não houve ainda relatos de danos.

Este foi o sismo mais forte sentido na zona desde 13 de Fevereiro. Na altura, também com epicentro ao largo do Cabo São Vicente o abalo sentiu-se em Madrid, especialmente nos edifícios mais elevados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG