DN Insider

notícias

"Regulem o Facebook: Eles são os novos cigarros, são viciantes"

Facebook na linha de fogo: Tim Cook admite que, face ao que tem acontecido, regulação na indústria tecnológica é inevitável; o bilionário e novo dono da Time compara a rede social ao vício do tabaco. Annus horribilis. Expressão latina para um ano horrível, o oposto de annus mirabilis, um ano maravilhoso. A frase tornou-se popular a partir de 1891, quando uma publicação anglicana no Reino Unido descreveu assim o ano de 1870, por ter sido aquele em que a igreja Católica Romana definiu o dogma da infalibilidade papal (ou seja, define que o papa nunca erra e as suas ordens são sagradas). Passados 127 [...]

notícias

Robôs vão substituir os humanos? Nem por isso, indica novo estudo

Um novo estudo indica que 72% dos empregos industriais ainda são feitos por humanos e que a inteligência artificial pode melhorar - e não substituir - os seus papéis. Os robôs estão presentes há alguns anos em várias fábricas, mas os seres humanos ainda executam 72% das tarefas de fabrico, de acordo com um novo estudo da empresa de consultoria A.T. Kearney e da startup de inteligência artificial californiana, Drishti, citado pela Forbes. Cerca de 1,7 milhão de robôs já trabalham ao lado dos 345 milhões operários a nível mundial, de acordo com estimativas da Federação Internacional de Robótica e da Goldman Sachs. No entanto, as formas [...]

inovação

SpaceX recebe aprovação para colocar mais de 7.500 satélites em órbita

O plano da SpaceX para criar uma constelação de satélites que vai fornecer serviços de internet em todo o mundo está bem encaminhado. A SpaceX recebeu luz verde da Comissão Federal de Comunicações dos EUA (FCC na sigla em inglês) para enviar mais de 7.500 satélites para o espaço. Esta aprovação segue-se a uma outra que já tinha sido feita em março e que previa o lançamento de 4.400 satélites. Conclusão? Atualmente a SpaceX está autorizada a enviar quase 12.000 satélites para o espaço. Estes satélites vão fazer parte de uma constelação artificial que vai orbitar a Terra - chamada [...]

Multimédia

Hábitos tech: Paddy Cosgrave, o fã da Apple que dorme de smartwatch

Na nossa rubrica de hábitos tecnológicos fomos perceber quais são os do fundador e CEO da Web Summit, Paddy Cosgrave. O irlandês de 36 anos nascido em 1983 e que já nos admitiu que gosta de deixar o smartphone em casa de vez em quando para não se cansar da tecnologia traça-nos os seus hábitos tecnológicos agora que até, já se sabe, vai passar a viver em Lisboa com a família. Ficamos a saber, por exemplo, o que seu pai foi um dos primeiros na Irlanda a ter um computador da Apple. Aos dois anos já tinha a marca da maça por [...]

Featured

Os Pokémon voltaram. Vamos apanhá-los todos?

Falámos em exclusivo com os criadores do novo jogo Pokémon em Frankfurt, na sede europeia da Nintendo. Depois da loucura de 2016, o que segue nesta nova aventura? O jogo Pokémon Let"s Go chega às lojas esta sexta-feira. Junichi Masuda recorda com saudade os tempos em que compunha as músicas para o primeiro jogo Pokémon, antes de ser lançado em 1996, e alguém perto de si fazia pratos de arroz. "O ambiente não era bem um escritório, era mais a casa de alguém", confidencia. O japonês, de 50 anos, é o Sr. Pokémon em pessoa: participou na criação de todos [...]

gadgets

Conheça os aspiradores chineses que querem dominar Portugal e o mundo

Divisão de aspiradores da Xiaomi chama-se Roidmi, começou agora a entrar em Portugal. Falámos com o seu CEO, John Wang, que quer dominar em breve o mercado nacional e mundial de aspiradores. O responsável da Roidmi, John Wang, começou-nos por explicar o início da marca chinesa que pertente à Xiaomi, um gigante de eletrónica mais conhecido em Portugal pelos telemóveis, mas que vende um sem número de produtos diferentes. "O início da marca foi a vender acessórios para automóveis, mas hoje isso é secundário e estamos totalmente focados agora no mundo da casa", explicou. O primeiro passo nesta área são [...

notícias

Cambridge Analytica. "O Facebook autorizou isto, sabiam exatamente aquilo que estava a acontecer"

Christopher Wylie era um dos nomes mais antecipados da edição deste ano da Web Summit. Passados seis meses do eclodir do escândalo, o ex-investigador e principal delator do escândalo Cambridge Analytica faz o rescaldo do escândalo que colocou em causa o que é a privacidade. Como seria de esperar, Wylie foi igual a si próprio: incisivo e com muito para contar. Wylie recordou como começou o escândalo da Cambridge Analytica e os primeiros passos dados. "As pessoas eram levadas para grupos o Facebook, ligadas à alt-right. E, na altura, os algoritmos do Facebook eram muito sensíveis. Se colocavas as pessoas [...]