Novo acordo obriga a negociação sistemática com a banca

Acordo de privatização tinha travão para incumprimentos do consórcio. Agora tudo tem de ser renegociado

O novo acordo entre os acionistas privados da TAP e o Governo pode obrigar a uma negociação sistemática da dívida bancária da companhia sempre que haja algum sinal de dificuldades em saldar pagamentos. Esse exercício resulta do fim de uma obrigação que existia no contrato de venda e que fazia reverter todas as ações para o Estado caso os privados falhassem.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG