Secretário de Estado quer mais peso da economia nas garantias às exportações

"Peço desculpa aos meus colegas do Ministério das Finanças, mas é preciso mais 'som' de Economia na decisão, e não apenas 'som' do Tesouro", defende.

O secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias, defendeu esta quinta-feira um maior peso do Ministério da Economia e "não apenas" das Finanças na tomada de decisão sobre garantias às exportações. "Peço desculpa aos meus colegas do Ministério das Finanças, mas é preciso mais "som" de Economia na decisão, e não apenas "som" do Tesouro", disse Eurico Brilhante Dias sobre o processo de atribuição de garantias.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG