Roubos de eletricidade custam 70 milhões à EDP

A EDP identificou 56 mil potenciais fraudes em 2017. Multas ascendem a quase 4000 euros para particulares e 45 mil para empresas

O número de fraudes e furtos de eletricidade à rede está a aumentar, tendo custado, só no ano passado, 70 milhões de euros à EDP Distribuição. E nem a modernização da rede elétrica parece travar estes crimes. Com os novos contadores digitais ("inteligentes"), a viciação e a manipulação dos contadores e das instalações elétricas dos consumidores "têm vindo a adquirir formas cada vez mais sofisticadas e de difícil deteção", confirmou ao DN/ /Dinheiro Vivo fonte da operadora da rede de energia elétrica.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia