Quer saber quanto deduziu? Finanças mostram

"Novo IRS 2015" permite consultar deduções relacionadas com saúde, imóveis e educação. Se não concordar pode reclamar

A partir de hoje está disponível no Portal das finanças o "Novo IRS 2015", a página criada pelo Fisco que permite aos contribuintes consultarem todas as deduções nas áreas de educação, como propinas, saúde - incluindo taxas moderadoras nos hospitais públicos e centros de saúde que não estavam disponíveis no e-fatura -, lares e imóveis, como pagamentos de juros ao banco ou rendas de casas alugas. A estes juntam-se as despesas gerais e de restauração, por exemplo, que já tinham sido validadas pelos contribuintes.

Em comunicado, o Ministério das Finanças explica que com este novo link o contribuinte pode aceder às suas deduções individuais, valores que não têm em conta o agregado familiar. Isso só acontecerá quando preencher o IRS: o primeiro prazo de entrega é de 1 a 30 de abril. Se não concordar com os valores pode apresentar uma reclamação até ao final do mês, mas a mesma não tem efeitos suspensivos e por isso terá de cumprir os prazos de preenchimento do IRS.

Para entrar no site terá de fazer a autenticação, à semelhança do que tem de fazer para aceder às declarações eletrónicas ou e-fatura.

A declaração virá pré-preenchida com base nestes valores, mas este ano ainda poderá fazer alterações e introduzir gastos que não estejam a ser contabilizados. Mas apenas o pode fazer em despesas relacionadas com educação, saúde, lares e habitação. As restantes despesas já não podem ser alteradas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG