Procura de gás na Europa vai sofrer quebra recorde de 10%

AIE revê em baixa as próprias previsões e estima que a procura na Europa irá diminuir mais 4% em 2023.

A procura de gás na Europa vai sofrer uma queda recorde de 10% este ano devido à escalada dos preços, abrandamento das exportações russas e políticas de contração no consumo, informou a Agência Internacional de Energia (AIE).

O cenário é traçado pela AIE no relatório trimestral sobre o mercado do gás em que, reconhecendo um elevado grau de incerteza, revê em baixa as próprias previsões e estima que a procura na Europa irá diminuir mais 4% em 2023.

A redução esperada para este ano na Europa significa um corte de 54 mil milhões de metros cúbicos e levará a uma queda de 0,8% à escala global, porque os preços historicamente elevados estão a produzir efeitos em todo o mundo.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG