Espanha. Melhor creme hidratante custa 2,99 euros e é do Lidl

Associação de defesa dos consumidores espanhola testou 17 cremes e diz que diferenças de preço não parecem ser justificadas pela qualidade

Um creme de 2,99 euros vendido no supermercado Lidl revelou-se o melhor dos 17 cremes hidratantes testados por uma associação de defesa dos consumidores espanhola. A organização salienta que o estudo mostrou que há diferenças de preço muito grandes para produtos relativamente semelhantes: aliás, o creme com melhor nota é o mais barato e o mais caro, cima dos 200 euros, um dos que teve pior nota.

A Organización de Consumidores y Usuarios (OCU) analisou em laboratório 17 cremes vendidos em Espanha (muitos destes vendidos também em Portugal) e considera que "todos cumprem a sua função de hidratar" a pele - 11 conseguiram uma boa nota. O CIEN do Lidl ficou em primeiro e é a escolha da OCU, devido ao preço, seguido de um da Vichy e de outro da Garnier.

A análise da eficácia foi feita recorrendo a 20 voluntárias que testaram os produtos às cegas, tendo depois sido feito uma análise à hidratação usando uma técnica que permite averiguar a presença de água e portanto a hidratação superficial da pele, explica a OCU.

A organização recolheu ainda a opinião de 30 utilizadores a quem foram dadas amostras não identificadas, quanto a propriedades como a textura, aplicação, absorção, etc. Foram também analisadas as etiquetas e a composição do produto, penalizando a presença de substâncias potencialmente alergénicas (algumas fragrâncias) ou de parabenos para a conservação.

Uma análise feita pela portuguesa Deco Proteste em 2014, relativa a cremes de dia que anunciam um efeito antirrugas, também elegeu um creme desta marca como o mais eficaz, apesar de o creme do Lidl custar "cerca de 25 vezes menos do que o creme mais caro do teste", salientou a Deco na altura.

Exclusivos