Lewis Hamilton envolvido em esquema de fuga aos impostos

Em causa está um esquema de aluguer do avião particular através de uma offshore na Ilha de Man, revelado pelos Paradise Papers

Lewis Hamilton, campeão do mundo de Fórmula 1, está envolvido num alegado esquema de fuga aos impostos no espaço europeu, utilizando uma offshore na Ilha de Man, segundo revelação dos Paradise Papers.

Segundo o jornal The Guardian, o piloto, um dos desportistas mais ricos do mundo, deverá a ser agora investigado pelo fisco britânico por suspeita da utilização da empresa de contabilidade EY and Appleby que alegadamente inclui Hamilton e outros clientes num esquema fictício de aluguer dos seus aviões privados.

O campeão do mundo terá ainda utilizado empresas fictícias daquele paraíso fiscal para fazer a importação do seu jato privado proveniente do Canadá, evitando pagar cerca de quatro milhões de euros em impostos.

Hamilton já veio dizer que não utilizou qualquer esquema fraudulento, assumindo ter negócios na Ilha de Man, situada no mar da Irlanda e que depende da coroa britânica, cujo governo deverá agora inspecionar 231 declarações fiscais de proprietários de aviões.

Ainda segundo o The Guardian, Hamilton é suspeito de ter evitado o pagamento de impostos no valor total de 18,7 milhões de euros.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG