Investimento macaense chega ao Porto e a Gaia

Imobiliário é a principal aposta mas as áreas de interesse para os 70 milhões da KNJ são diversificadas.

“É óbvio para Macau que, para investir fora, vamos procurar lugares que conhecemos”, afirmou, segundo cita o JN, Kevin Ho, sócio daquela empresa e acionista do Global Media Group (que detém o JN, o Dinheiro vivo, o DN, a TSF e O Jogo, entre outros títulos). “Nos últimos quatro anos, a economia de Portugal tem crescido e isso dá-nos ainda mais confiança”, garantiu o empresário, assegurando que Lisboa também está no radar da KNJ.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos