Trump diz que guerra comercial com a China foi perdida há muitos anos

Trumo disse que quando se tem um défice de comercial de 500 mil milhões é porque se saiu derrotado e que os EUA não "podem deixar isto continuar".

Donald Trump reagiu às ameaças da China de responderem com a "mesma força" às tarifas impostas pelos EUA. O presidente americano disse, na sua conta do Twitter, que "não estamos numa guerra comercial com a China porque essa guerra foi perdida há muitos anos pelas pessoas tolas e incompetentes que representaram os EUA".

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos

Premium

Adriano Moreira

O relatório do Conselho de Segurança

A Carta das Nações Unidas estabelece uma distinção entre a força do poder e o poder da palavra, em que o primeiro tem visibilidade na organização e competências do Conselho de Segurança, que toma decisões obrigatórias, e o segundo na Assembleia Geral que sobretudo vota orientações. Tem acontecido, e ganhou visibilidade no ano findo, que o secretário-geral, como mais alto funcionário da ONU e intervenções nas reuniões de todos os Conselhos, é muitas vezes a única voz que exprime o pensamento da organização sobre as questões mundiais, a chamar as atenções dos jovens e organizações internacionais, públicas e privadas, para a necessidade de fortalecer ou impedir a debilidade das intervenções sustentadoras dos objetivos da ONU.