Taxa de desemprego em maio desce para o valor mais baixo desde novembro de 2008

A taxa de desemprego de maio de 2017 situou-se em 9,2%. Para junho, o INE prevê que esta fique nos 9%.

A taxa de desemprego de maio de 2017 situou-se em 9,2%, menos 0,3 pontos percentuais (p.p.) do que no mês anterior e menos 0,7 p.p. em relação a três meses antes, revelou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com este organismo, trata-se de uma revisão de menos 0,2 p.p. face à estimativa provisória divulgada há um mês e constitui o valor mais baixo observado desde novembro de 2008 (8,9%).

A população desempregada de maio foi estimada em 473,7 mil pessoas, tendo diminuído 3,3% em relação ao mês precedente (menos 16,2 mil pessoas), enquanto a população empregada foi estimada em 4 670,3 mil pessoas, tendo aumentado 0,1% (mais 5,9 mil pessoas) face ao mês anterior.

A estimativa provisória da taxa de desemprego de junho de 2017 foi de 9,0%. Neste mês, a estimativa provisória da população desempregada foi de 462,6 mil pessoas e a da população empregada foi de 4 672,3 mil pessoas.

Ler mais

Exclusivos