TACV. Islandeses apostam em voo diário para Portugal

Companhia cabo verdiana foi adquirida por um grupo aéreo islandês. Operação como privada está agora a começar. E Portugal é prioritário

Ainda está a dar os primeiros passos como empresa maioritariamente privada mas ambição não lhe falta. A Cabo Verde Airlines – tradicionalmente conhecida como TACV (Transportes aéreos de Cabo Verde) – quer aumentar a frota para 12 aeronaves até 2023 e tornar a ilha do Sal num hub que permita servir os quatro continentes. Para já, são 12 os destinos para onde a companhia quer voar. E Portugal é destino prioritário.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos