Sindicato pede contratações imediatas no metro de Lisboa

Trabalhadores querem contratações imediatas, recusando "festas para lançamento" da compra de novo material circulante, "que só chegará em 2021".

Trabalhadores do metro de Lisboa pediram esta quarta-feira contratações imediatas na empresa, recusando “festas para lançamento” da compra de novo material circulante, “que só chegará em 2021”.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos