Santander vai dispensar 3.200 trabalhadores em Espanha

O banco já tinha anunciado a intenção de suprimir 3.700 postos de trabalho, número reduzido em 490 lugares depois das negociações com os sindicatos.

O banco Santander assinou esta segunda-feira em Madrid um acordo com os sindicatos que prevê a saída de 3.223 trabalhadores em Espanha, 490 menos do se previa inicialmente, a sua maioria através de um programa de pré-reformas.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia