Ricardo Salgado condenado a pagar 1,8 milhões pelo Banco de Portugal

Foram condenados oito dos 18 acusados no processo envolvendo o Bes Angola.

O Banco de Portugal condenou Ricardo Salgado a pagar uma coima de 1,8 milhões de euros na sequência do caso BES Angola. De acordo com o Expresso, foram condenados oito dos 18 acusados, entre eles os ex-administradores Morais Pires e Rui Silveira, que vão ter de pagar 1,2 milhões e 400 mil euros, respetivamente.

De acordo com o jornal, na base da condenação estão "falhas graves nos mecanismos de controlo interno e o não cumprimento de obrigação de comunicação ao Banco de Portugal dos riscos inerentes à carteira de crédito". Sete ex-administradores do BES terão sido absolvidos, segundo o Expresso.

Em causa está o empréstimo de três mil milhões de euros concedido pelo BES ao BES Angola (BESA). O supervisor considerou que Ricardo Salgado e Morais Pires agiram de forma dolosa ao esconderam a verdadeira situação do BESA aos restantes membros do conselho de administração do BES. Já Rui Silveira, responsável pela auditoria do banco, foi condenado por não comunicar ao Banco de Portugal a exposição do BES ao banco de Angola.

Ler mais

Exclusivos