Reino Unido: Facebook acusado de dar acesso indevido a dados pessoais

Empresa de Mark Zuckerberg é agora acusada pelo parlamento britânico de dar acesso preferencial de dados a programadores.

O Facebook continua na linha de fogo no que aos dados pessoais diz respeito. Um relatório do comité digital, media e desporto (DCMS) do parlamento britânico acusa a rede social de dar a alguns programadores acesso indevido a dados pessoais. As revelações terão sido feitas através de centenas de emails que o comité teve acesso e que mostram um desrespeito da empresa pela privacidade dos utilizadores da rede social.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos