Portugal vai dar prémios para a mobilidade inteligente

O site Motor24 e o Global Media Group promovem os primeiros prémios para a mobilidade inteligente. O lançamento dos Global Mobi Awards é feito já amanhã, no arranque da Lisbon Mobi Summit, e pretende distinguir cidadãos, entidades públicas e empresas privadas

O site Motor24 e o Global Media Group vão promover os primeiros prémios para a mobilidade inteligente em Portugal. A iniciativa é apresentada amanhã no arranque da Lisbon Mobi Summit, na sede da EDP, em Lisboa.

Mobilidade elétrica, condução autónoma, mobilidade partilhada, gestão da mobilidade nas cidades e transportes mais eficientes e flexíveis, são temas cada vez mais prementes na agenda pública e na vida dos cidadãos.

É para promover uma nova cultura de mobilidade e distinguir as melhores práticas, produtos, tecnologias e ações de mobilidade inteligente em Portugal que o site Motor24 lança os Global Mobi Awards. O objetivo dos prémios é também dar visibilidade ao paradigma da mobilidade inteligente e estimular projetos e políticas que possam contribuir para uma economia descarbonizada e circular.

Para isso, foram criadas nove categorias para o galardão, que abarcam diversos temas da mobilidade inteligente, divididos em duas grandes áreas - uma primeira destinada a Cidades, Empresas/Organizações e Cidadãos e uma segunda mais orientada para produtos, tecnologias e serviços. Cada uma destas áreas terá um júri independente, constituído por personalidades ligadas aos temas da mobilidade - especialistas, académicos, jornalistas, representantes de associações e empresas.

Dos elétricos às smart cities

De acordo com Rui Pelejão, editor executivo do site Motor24, o objetivo destes prémios é abarcar um largo espetro da oferta da mobilidade elétrica descarbonizada, em Portugal: "Além de premiar os veículos híbridos, elétricos e movidos a energias alternativas que representem a melhor opção para o consumidor e o ambiente, teremos também em avaliação uma nova geração de serviços de mobilidade, como o carsharing ou o bikesharing e distinguiremos tecnologias que melhor sirvam uma mobilidade mais segura e eficiente."

As candidaturas estão também abertas a autarquias, empresas, organizações que tenham implementado ou em fase de implementação soluções de mobilidade inteligente. "Mas queremos também dar espaço a uma cidadania ativa neste domínio e teremos um prémio destinado a boas ideias para a mobilidade inteligente que sejam oriundas da sociedade civil e dos cidadãos", disse Rui Pelejão.

Para Robert Stussi, especialista em mobilidade e presidente do júri, esta "é uma oportunidade para as cidades e organizações portuguesas".

Por outro lado, acrescentou, "é a oportunidade de terem prémios nacionais, acessíveis por um número muito maior de entidades e cidadãos". A finalidade destes troféus é divulgar boas práticas que visam potenciar a inovação, governança da descarbonização, e promover o mindset para sermos "pessoas co e multimodais", disse Robert Stussi.

Esta inédita iniciativa do Motor24 conta com o apoio da OK Teleseguros, da Associação de Utilizadores de Veículos Elétricos (UVE), da Associação Portuguesa do Veículos Elétrico (APVE) e do Programa Polis.

Ler mais

Exclusivos