Operários da Autoeuropa exigem aumentos de 4% e 400 pessoas nos quadros

Conheça as principais propostas da comissão de trabalhadores da fábrica de Palmela para o caderno reinvindicativo de 2019.

Aumentos salariais de 4%, integração de 400 pessoas nos quadros e compromisso para não haver despedimentos coletivos. Estas são as principais exigências da comissão de trabalhadores da Autoeuropa para a negociação do caderno reivindicativo para 2019. O pacote foi apresentado na quarta-feira, depois do fim das negociações, sem sucesso, em relação ao pagamento da produção aos domingos.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos