Lucros do Goldman Sachs crescem 58% no terceiro trimestre

Apesar dos bons resultados neste terceiro trimestre, nos primeiros nove meses do ano, os lucros ficaram 1% abaixo dos registados há um ano

O banco norte-americano Goldman Sachs anunciou hoje que os seus lucros no terceiro trimestre cresceram 58% face ao período homólogo de 2015 e ficaram em 2,1 mil milhões de dólares (1,91 mil milhões de euros).

O lucro por ação no terceiro trimestre foi de 4,88 dólares (quando tinha sido de 2,90 dólares no terceiro trimestre de 2015) e o volume de negócios atingiu 8,17 mil milhões de dólares, uma subida de 19%.

Os analistas esperavam que o Goldman Sachs tivesse no terceiro trimestre um lucro de 3,82 dólares por ação, tendo o resultado superado as expectativas.

Apesar dos bons resultados neste terceiro trimestre, nos primeiros nove meses do ano, os lucros ficaram 1% abaixo dos registados há um ano.

Entre janeiro e setembro, os lucros do grupo alcançaram 4,93 mil milhões de dólares, quando no mesmo período de 2015 tinham atingido 4,99 mil milhões.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).